ptzh-CNenfrdeites
Notícias e matérias
Notícias e matérias nacionais e internacionais sobre Esports e ações da CBDEL
facebook Share on Facebook

A certificação da CBDEL – Confederação Brasileira de Desportos Eletrônicos, estabelece uma trajetória de muito esforço pessoal por parte dos empreendedores, luta contra um sistema que nos impede sermos maduros e responsáveis enquanto cidadãos, e nos importarmos com os valores morais, cívicos e agregadores para a sociedade, do que apenas o comercial, é uma vitória por algo maior do que nós mesmos. É deixar um legado.

 

Certificação da CBDEL no ME
Certificação da CBDEL no ME

Na semana passada, no dia 20 de dezembro de 2017 às 15:17 hrs, findou-se a quarta parte de um empreendimento particular para o benefício de toda uma nação relacionada a categoria dos desportos eletrônicos. A CBDEL foi certificada e conveniada junto ao Ministério dos Esportes, após cinco (5) anos do início desse empreendimento, e um (1) ano e alguns meses de adaptações, melhorias e total imersão em compliance junto a Secretaria de Esportes de Alto Rendimento do Ministério do Esporte do Brasil, para que tudo na CBDEL fosse atestado e confirmado estar em acordo com a transparência e relevância administrativa de sua categoria, sem falar no padrão completamente inserido dentro do que requer o parágrafo único do art. 18 e no § 2º do art. 18-A da Lei nº 9.615, de 24 de março de 1998, e tanto quanto a Portaria 224-2014/ME, para celebrar convênios, parcerias e obtenção de recursos para o desenvolvimento do esporte.

Mas a certificação não somente nos dá o status de conveniado ao ME, mas nos confere também o status nacional reconhecido de entidade máxima administradora do esporte eletrônico, que é aferido por estarmos reconhecidos e aceitos dentre uma das categorias que são certificadas pela Portaria 224-2014/ME, onde se tem como proponente as seguintes classes:

I - o Comitê Olímpico Brasileiro-COB;

II - o Comitê Paralímpico Brasileiro- CPB;

III - as entidades nacionais de administração do desporto;

IV - as entidades regionais de administração do desporto;

V - as ligas regionais e nacionais;

VI - as entidades de prática desportiva, filiadas ou não àquelas referidas nos incisos anteriores; ou

VII - a Confederação Brasileira de Clubes.

Em nosso caso fomos aceitos e certificados na categoria II, portanto “entidades nacionais de administração do desporto”, onde somente nesse contexto nos encaixamos, e nos foi dado esse reconhecimento, por meio dessa certificação.

Além disso, essa certificação diz mais para os praticantes de esportes eletrônicos. Vamos ao raciocínio de consequências:

O órgão que acompanha a certificação é o próprio Ministério do Esporte através, primeiramente, da Secretaria de Esportes de Alto Rendimento (SNEAR), que por sua vez exaustivamente, e acertadamente, faz a conferencia e avalia todos os documentos, estatutos e demais certidões da entidade que pleiteia a certificação. Isso nos diz muito pois o próprio ME aceitou fazer essa avaliação, portanto demonstra total interesse no esporte eletrônico e em sua regulamentação e reconhecimento, e isso gera por si só, um passo decisivo para reconhecer essa categoria como esporte regulares.

Não obstante, a secretaria específica que avalia primeiramente essa certificação é a de esportes de alto rendimento (SNEAR), o que por si só já mostra definitivamente qual é a maneira de se entender o esporte eletrônico por parte de nosso país.

Portanto abrimos as portas para que o reconhecimento do esporte eletrônico como categoria regular desportiva seja possível, além disso os projetos de Lei em que fomos os criadores e juntamente com deputados federais e senadores, apresentamos as respectivas câmaras, as casas dos legisladores de nosso país, fazemos para os praticantes dessa categoria algo que ficará para seu próprio presente e futuro como certeza de que , agora sim, uma carreira será possível de se seguir, fazendo frente a muitas nações já profissionalizadas institucionalmente no Esports, mas também sendo pioneiros perante tantas outras que ainda buscam estabelecer as bases que nós já estabelecemos e ainda fortificamos para o Esports em nosso país.

Somos a única Confederação legítima também pelo reconhecimento no exterior dentre várias entidades com os mesmos fins, e por sua vez com suas próprias legitimações internacionais, além de parcerias e termos reconhecimento bilateral exclusivo com vários outros governos, e os trabalhos apresentados para a regularização e regulamentação do Esports no Brasil, algo que nos afere ainda mais propriedade na categoria, e agora com a certificação o ciclo se fecha.

Agora que somos devidamente certificados e homologados também nacionalmente, todo esse trabalho de legitimação, reconhecimento e regulamentação nacional e internacional poderá ser posto em prática por direito e por dever, em nosso país. 

PARTICIPE DA CBDEL SENDO PARTE DE NOSSAS COMISSÕES E CONSELHOS!
EMPRESAS PRIVADAS, INDUSTRIAIS, ATLETAS, TIMES E ORGANIZAÇÕES

Clique aqui e saiba mais

Popup de ativação ações da CBDEL